Desfile Green Co. na SPFW43

28/03/2017

 

GREEN CO. CELEBRA BEM-SUCEDIDA PARTICIPAÇÃO NO SPFW

Com desfile marcado por uma forte militância verde, que inclusive levou para a passarela modelos com placas do movimento Fashion Revolution Brasil, a Green Co. comemora o sucesso de sua primeira participação no SPFW. A grife rejuvenesceu a passarela, com um minimalismo fresh. Peças básicas, vestidos ajustados, regatas, camisas e saias traziam cortes assimétricos e única estampa de folhagens para a coleção, que é tanto feminina quanto masculina.

A cartela de cores apontou tons de verde pincelados por nuances neutras, ora claras e ora escuras. A estampa botânica foi inspirada no universo micro e macro das folhas. Entre os acessórios, o destaque foram óculos feitos do reaproveitamento de pranchas de skate e mochilas geradas a partir de câmaras de pneus.

A filosofia clean da marca também delineou a beleza do desfile, assinada por Ricardo dos Anjos. De “cara lavada”, os modelos cruzaram a passarela com pouquíssima interferência de cor em suas peles e cabelos ao natural.

Moda e engajamento

 Apoiadora do movimento Fashion Revolution, a Green Co. levou para a passarela uma parceria que visa promover o questionamento sobre as atuais formas de consumo, propondo uma moda responsável, assim como relações de trabalho baseadas na transparência e na ética.

O Fashion Revolution é um movimento criado por um conselho global de líderes da indústria da moda que tem como objetivo conscientizar profissionais da área e consumidores sobre a real engrenagem da moda e seu custo e impacto em todas as etapas, desde a fase inicial de produção, até o consumo. O projeto surgiu em Londres, em 24 de abril de 2013, após o desabamento do edifício Rana Plaza, em Bangladesh, na Índia. O local era ocupado por oficinas de costura e, com o acidente, 1.233 pessoas morreram e 2.500 ficaram feridas. Atualmente, o Fashion Revolution está presente em 92 países.